Conheça 5 técnicas tântricas para aumentar a energia sexual

O tantra conta com inúmeras ferramentas para o aperfeiçoamento da sexualidade. Se você nunca passou por uma sessão de terapêutica tântrica, nem participou de um workshop de tantra para casais ou solteiros, pode estar se perguntando: Quais práticas esta tecnologia oferece? Mesmo que você já tenha tido um contato prévio com o tantra, por meio dos artigos publicados aqui no Blog ou demonstrações de massagens, conhecer ferramentas que podem ser usadas em casa, seja sozinho ou acompanhado, vai te permitir a evolução pessoal.


Conhecer algumas técnicas tântricas para aumentar a sua energia sexual permite não apenas ampliar a conexão interna, mas externa também. Quando digo isso, não falo apenas sobre relações sexuais, mas também sobre o nosso contato com o entorno e todas as situações em nossa volta. Uma vez que o tantra vai além do sexo, entendemos que ele é uma chave para libertação, crescimento espiritual, evolução e quebra de barreiras.


Dito isso, vale lembrar ainda que enquanto existem casais que possuem uma ligação sexual forte e intensa, outros, com o passar do tempo ou adversidades do dia a dia, precisam de novos estímulos para reavivar essa ligação. Por isso, seja você solteiro, seja você comprometido, aprender a dominar o próprio corpo, saber identificar o que te excita, te permitirá cultivar relações amorosas mais saudáveis, consistentes e profundas.



Conheça 5 técnicas tântricas para aumentar a energia sexual


1. Respiração profunda


Respirar lenta e profundamente, de forma consciente, ajuda a ativar e a conectar todos os sentidos do corpo. O estresse cotidiano, faz com que a maior parte dos adultos respirem de forma rápida e automática. Ao respirar profundamente e com atenção a esta atividade, você ganha concentração e foco. Ao praticar este exercício por alguns minutos, você começa a se sentir mais leve e como resultado também começa a ter os sentidos mais apurados. Depois de aprender a dominar a própria respiração, você pode usá-la para se conectar ao seu parceiro durante o ato sexual. A primeira dica é combinar a sua respiração com a de seu parceiro(a). Isso aumentará a conexão sexual de ambos. Outra dica é combinar a respiração com as etapas da relação amorosa. Para testar hoje: Quando se aproximar do orgasmo, aumente o nível respiratório, além de aumentar as sensações corporais, isso lhe dará mais prazer.



2. Olhar nos olhos


Esta sugestão pode parecer bem simples, mas muitas pessoas sentem algum bloqueio ou vergonha durante a relação sexual. Contudo, romper esta barreira é uma excelente forma de ganhar confiança, eliminar a vergonha e aprofundar não só o amor próprio, mas se conectar de forma verdadeira com o seu parceiro (a). Mas atenção, quando digo isso, não estou te prometendo um amor longo e duradouro, uma vez que o seu parceiro (a), não necessariamente é alguém com quem você irá dividir a vida. Mas ao dividir um ato sexual, existe a necessidade de fortalecer os vínculos citados acima para que ambos possam evoluir ao máximo com esta experiência. Dito isso, esta prática consiste em começar por olhar para os seus olhos, diante de um espelho e respirar profundo. Na sequência, diga para si mesmo frases amorosas, como, por exemplo, eu gosto de você, você é especial para mim... Tente manter o contato visual consigo mesmo o máximo de tempo possível. Depois, o próximo passo é incluir esta técnica durante o ato sexual. Para que isso funcione, proponha o exercício ao seu parceiro. Assim ambos estarão preparados para praticar esta técnica.



3. Toque


Sempre falo nos artigos do Blog sobre a importância de tocar o outro com carinho, respeito e amorosidade. Por isso, não basta apenas tocar o corpo do seu parceiro e esperar automaticamente uma resposta. Neste caso é importante ter atenção a intensidade do toque para saber quais sensações iremos causar. Assim, para que não tenha erro, comece por treinar em si mesmo as massagens que deseja oferecer ao seu parceiro. Tenha em mente que o toque suave e leve irá despertar o corpo, aumentar a curiosidade sobre o toque, além da excitação. Já o toque mais firme, será necessário quando o corpo estiver pronto para receber novos estímulos. Contudo, perceber as sensações do parceiro é de suma importância para saber a hora de aplicar cada toque.



4. Foco, falso e sensação


Esta técnica consiste em se concentrar em uma determinada zona do corpo, com o olhar, até conseguir senti-la sem tocá-la. Você pode começar se concentrando, por exemplo, em um dedo. Respire lenta e profundamente, foque toda a sua atenção neste dedo até que possa sentir apenas ele e a pulsação que ele produz. Na sequência foque no seu órgão genital ou zona erógena. Foque neste ponto até que possa sentir a pulsação, excitação ou até mesmo um orgasmo. Depois, você pode praticar esta técnica com o seu parceiro (o).



5. Sem expectativas


Se livrar das expectativas, das metas de performance sexual, dos limites impostos pela sociedade ou dos medos que te impedem de viver a sua sexualidade de forma plena, irá te permitir sentir muito mais prazer e os estímulos do ato sexual. Para isso, não foque apenas nos genitais, explore o corpo todo, trabalhe com os seus sentidos. Ao buscar uma experiência amorosa, seja sozinho (a), seja acompanhado (a), não tenha pressa, seja paciente, sinta todos os toques e sabores.



Tati Alok Ida - terapeuta tântrica


Os atendimentos de Tati Alok são feitos no Espaço Alok Ida, na Rua Moura, 848 - Barreiros, São José - SC. Para mais informações sobre terapêutica tântrica ou massagem tântrica taoísta, mande e-mail para alokida.producoes@gmail.com ou ligue para (48) 3372-0015 / (48) 9823-8869.

113 visualizações

R. Moura, 848 - Barreiros, São José - SC, 88117-250, Brasil

E-mail: alokida.producoes@gmail.com

Tel: (48) 3375-7132

Cel: (48) 9823-8869

© 2018 -